domingo, dezembro 26, 2004

!
PÓS NATAL

JOÃOZINHO ESCREVE AO PAPAI NOEL
Prezado Papai Noel:

Você na certa vai achar estranho te escrever hoje, 26 de dezembro.

Mas quero falar logo da minha reação ao receber os presentes que você deixou na minha árvore ontem, dia de Natal.

Como você bem deve se recordar, eu tinha pedido uma bicicleta, um trÊm elétrico, um nintendo e um par de patins.

Pois bem: quero lhe informar que durante o ano inteiro eu me matei de estudar, fui um dos primeiros da turma, tirei 10 em todas as matérias.

Ouso afirmar que ninguém se comportou melhor do que eu, nem com os pais, nem com os irmãos, nem com os vizinhos.

Tem mais: cumpri minhas tarefas e obrigações sem cobrar. Ajudei velhinhos a atravessar as ruas. Não houve nada que eu não fizesse de bom e de gentil com os meus semelhantes.

Mesmo assim, com uma tremenda cara-de-pau, você, Papai Noel de bosta, me deixou debaixo da árvore a porcaria de um pião, uma porra de uma corneta e uma merda de um par de meias.

Seu barrigudo miserável de uma figa!

Ou seja, comporto-me como um imbecil de merda o ano inteiro e você me faz uma putaria dessas?

E o que é pior, o filho da vizinha, esse viado sem educação, malcriado e desobediente, que grita com a mãe e chama o pai de corno, para esse anormal você trouxe tudo o que ele pediu.

Por isso eu estou desejando do fundo de minha alma que aconteça um terremoto para irmos todos à puta que nos pariu, já que com um Papai Noel incompetente e retardado como você é melhor que a terra nos engula.

Mas não deixe de vir no Natal do ano que vem, pois pretendo arrebentar a pedradas as putas das tuas renas.

Começando por este homossexual do Rudolph que tem nome de bicha enrustida.

Vou espantar estas renas todas para que você se foda e tenha que andar a pé como eu, velho broxa!! (A bicicleta que eu pedi era para ir à escola, que fica longe pra cacete da merda da minha casa!)

Eu não quero nem devo me despedir sem mandar você tomar no cu...

Espero que quando você estiver no seu trenó, aquela bosta vire com você dentro, para que você se arrebente no chão feito um pacote de cocô, gordo e vermelho.

Isto é um aviso. No ano que vem você vai ficar sabendo o que é um garoto mal-educado, doido para se vingar.

Atenciosamente,

Joãozinho (12 anos)

PS: O pião, a corneta e o par de meias estão à sua disposição aqui em casa para que você possa vir buscar e enfiar no cu.

Antigo postem no outro mais acima :P



0 Comments:

Postar um comentário

<< Home