sexta-feira, setembro 23, 2005

...

Terça-feira ocorreu algo bem interessante lá no Darwin: entrou uma aluna nova na sala. Ela é de Belo Horizonte, e vai terminar o ano aqui para, obviamente, tentar vestibular no fim do ano. Mas o grande detalhe é que ela é cega. Isso mesmo, cega. Desde então, em vários momentos da aula eu me coloco no lugar dela e penso: "Como eu iria entender isso se eu não enxergasse nada?". Muitas vezes eu não entendo nem enxergando. Como ela vai entender aquelas reações de química? E acompanhar a resolução dos problemas de matemática e física? As únicas aulas que é mais possível compreender apenas escutando é geografia, história e português.Mas ela está lá, fazendo as anotações em braille.
Depois dessa, eu não tenho mais moral de dizer que não aguento mais fazer cursinho...

Antigo postem no outro mais acima :P



0 Comments:

Postar um comentário

<< Home